BLOGGER TEMPLATES AND TWITTER BACKGROUNDS »

domingo, 2 de agosto de 2009

Quero ter você bem mais que perto

Fecho os olhos e sinto teu cheiro impregnado na minha pele. Meu delírio, meu martírio, não suporto o fato de te ter em pensamento. Some de mim, meu amor, não quero mais ser invadida por lembranças contínuas tampouco por sensações que tu insistes me proporcionar, ainda que longe do meu alcance. Como posso ainda ser presa ao teu sorriso, teu cheiro, teu jeito, por quê? Busco no meu caminhar explicações para não ter te perdido, para não ter te esquecido, para não ter te vivido tão intensamente quanto eu almejava e quanto nossas almas mereciam. Pareço ainda sentir a nossa sintonia mágica perceptível em nosso pulsar interno, nosso magnetismo incontrolável, nossa paixão em chamas. Minha memória não te apaga, meu sentimento por ti parece estar tão forte preso em minha mente que me torno dependente das tuas lembranças, das nossas vidas juntas, inseparáveis. Não, não queria poder voltar atrás, não queria mudar absolutamente nada, uma vírgula sequer. A nossa história terá muitos capítulos, jamais dignos de um ponto final. Agora deixa eu te ter, deixa que nós sejamos literais, deixa eu te mostrar porque vim viver esta vida para nós (e somente para nós).

4 argumentaram:

Sarah disse...

MEU DEUS =OO
tava inspirada, jornalista.
curti, curti :)

Bia disse...

que bom, sarinha ;)
beijos!

Cíntia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cíntia disse...

Que texto! Estou passando pela mesma situação. Adorei gastar um pouco do meu tempo lendo-o. Parabéns